↑ Retornar para Serviços

Imprimir Página

Regulamento de portarias

Regulamento de Portarias

A PRESENTE REGULAMENTAÇÃO FOI APROVADA PELO CONSELHO DELIBERATIVO EM REUNIÃO EXTRAORDINÁRIA DE 30/JUNHO/1998

PORTARIA DE SERVIÇO E NÁUTICA :

DO USO :

1.- Associados do clube e seus dependentes e convidados (para estes vide regulamentação na Portaria Social), que primordialmente necessitam entrar ou sair com bagagem, mercadorias, peças, etc.,

2.- Sócios Conveniados do Clube, seus dependentes e convidados (para estes vide regulamentação na Portaria Social).

3.- Funcionários do Clube, que em função dos afazeres diários entram e saem rotineiramente;

4.- Funcionários de associados, principalmente marinheiros e seus eventuais ajudantes, os quais entram e saem em função do próprio trabalho;

5.- Autônomos regulares, tais como os mecânicos, eletricistas, marceneiros, pintores, os quais mantém com o Clube e seus associados a prestação de serviços contratados por empreitadas certas;

6.- Autônomos esporádicos, ou representante de empresas prestadoras de serviços específicos, contratados pelos associados ou pelo próprio clube para prestar eventuais serviços; e,

7.- Fornecedores de materiais e insumos, os quais adentram ao clube para carga e descarga de mercadorias.

DA REGULAMENTAÇÃO :

A concepção básica, seria a de se dar as categorias relacionadas de 1 a 5, possibilidade de identificação automática, seja por cartão, impressão digital, senha, ou qualquer outra que viesse a ser adotada pelo YCI.

Qualquer que fosse a forma, o ingresso e a saída deveria estar “on line” com a Portaria Social, com a Secretaria, e, com a Sala de Rádio, para que se pudesse em qualquer dos quatro pontos se identificar se determinada pessoa se encontra no recinto do Clube.

Quanto as categorias relacionadas em 6 e 7, deveria ser criado um crachá específico da visita, tendo obrigatoriamente de ser autorizada pelo responsável (o associado, o encarregado do setor, a gerência, a diretoria, enfim, alguém que se responsabilize pelo ingresso do terceiro visitante.

DA OPERAÇÃO :

Necessariamente deverá ser equipada com cancela de ingresso, de preferência o mesmo equipamento da Portaria Social.

Deverá ser equipada com um terminal de computador, “on line” com o sistema todo, receber um ramal telefônico exclusivo para uso do porteiro empregado (que possa a qualquer emergência obter linha externa para chamada telefônica), e um outro para uso de terceiros em geral.

Deverá abrigar um quadro geral para armazenamento e guarda de chaves das embarcações, fechado à chave, assim como também se manter o cadastro de todas as embarcações estacionadas no Clube, com suas características básicas (marca, tamanho, nome, etc.), local onde a mesma se encontra, identificando o espaço ocupado, ou a poita, os dados do associado proprietário, o nome, endereço, telefone se houver do marinheiro responsável pela embarcação.

Deverá ser mantido no local um aparelho de radiocomunicação que fará parte do sistema de segurança e vigilância do Clube.

DO HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO :

Esta portaria deverá operar 24 horas por dia, 7 dias por semana.

PORTARIA SOCIAL

DO USO

1.- Associados do Clube, seus dependentes e convidados, e babás, devidamente cadastradas.

2.- Autoridades Civis e Militares;

3.- Sócios Conveniados com o YCI, seus dependentes e convidados;

4. Participantes de eventos e seus familiares;

5.- Gerentes e Encarregados de Setores funcionários do Clube; e,

6.- Terceiros devidamente convidados e/ou autorizados a ingressar no Clube pela Diretoria, ou pela Gerência, tais como patrocinadores, promoters, expositores, organizadores, etc.

DA REGULAMENTAÇÃO :

1.- ASSOCIADOS

Será permitida automaticamente, por sistema de identificação a ser definido, o ingresso as dependências do Clube de todos os seus Associados quites com o Clube, os quais poderão adentrar ao recinto quando bem quiserem, estando o Clube em seu horário normal de funcionamento.

2.- DEPENDENTES

Será também permitido o ingresso aos dependentes, cônjuge ou companheiro(a), ascendentes e descendentes dos sócios, caracterizados no Regulamento Social, e no Estatuto do Clube, obedecida as disposições lá contidas.

3.- CONVIDADOS

Cada associado terá direito a convidar pessoas de seu convívio a freqüentar as dependências do Clube, observadas as seguintes condições :

3.1.- Não será permitido o ingresso de um número de convidados, no mesmo dia, de mais de 6 (seis) pessoas, salvo quando solicitado por escrito a Diretoria, ou à Gerencia , e autorizado o ingresso por escrito.

3.2.- Não será permitida a freqüência do mesmo convidado por mais de 10 (dez) dias no ano, em no máximo 3 (três) ocasiões distintas, independentemente do convidante.

3.2.1.- Será excepcionado da imposição acima, o ingresso de crianças, com idade até 15 anos, acompanhadas sempre do sócio convidante, ou de seus dependentes.

3.3.- Para quaisquer dos casos acima descritos, haverá necessidade da apresentação da Carteira de Identidade do Convidado, que servirá de registro e controle da freqüência do mesmo no Clube.

3.4.- O sócio convidante será o responsável pelo comportamento social e econômico de seu Convidado, respondendo por todos os atos por este praticados no interior do Clube, podendo até sofrer as conseqüências atribuídas a questões disciplinares, previstas no Estatuto, Regulamentos Social e Náutico, Regimentos e Deliberações internas do YCI.

3.5.- Casos especiais que justifiquem a excepcionalidade das regras ora previstas, deverão ser encaminhados à Diretoria pelo interessado, por escrito, quando então a mesma decidirá sobre o pedido de freqüência do convidado fora dos prazos ora estabelecidos.

4.- SÓCIOS CONVENIADOS

4.1.-Será obrigatória a apresentação de documento de identidade que comprove ser a pessoa associada a Clube conveniado com o YCI, sendo que na falta desta, poderá o YCI através da Estação Costeira, ou do uso telefônico, ou outro meio de comunicação, entrar em contato com o clube conveniado para apurar se realmente o indivíduo faz parte do quadro social, e, se sua freqüência não se encontra bloqueada por questões disciplinares ou financeiras.

4.2.- Será exigida, em qualquer situação, apresentação da carteira de identidade dos convidados do sócio conveniado, para que se faça o mesmo controle de freqüência descritos nos itens 3.2 e 3.3 acima.

DA OPERAÇÃO

Deverá estar equipada com cancela de ingresso, de catraca, a qual terá seu funcionamento automático de ingresso de sócios através de sistema especial a ser desenvolvido para tanto (cartão magnético, impressão digital, senha, ou outro a ser estabelecido pela Diretoria).

Esta unidade deverá receber equipamentos específicos para sua operação, tais como um terminal de computador que operará “on line” com a Portaria de Serviço e Náutica, a Secretaria e a Estação Costeira, que proporcionará o conhecimento do associado em transito pelo clube, seu horário de ingresso, seu horário de saída, etc.

Deverá receber um ramal telefônico de uso exclusivo dos funcionários envolvidos (que possa a qualquer momento receber linha externa para qualquer emergência), e outro para uso de terceiros, além de contar com um aparelho de radiocomunicação interna, que fará parte do esquema de segurança e vigilância do Clube.

Deverá conter um quadro fechado de chaves de todos os recintos do Clube, por setores, para eventuais emergências.

Seu terminal de computador conterá o máximo de informações possíveis de todos os associados do Clube, para qualquer tipo de emergência que possa ocorrer.

A operação da Portaria estará sujeita hierarquicamente ao Diretor de Sede, o Comodoro, o Vice-Comodoro , qualquer outro Diretor presente, e ao Gerente do Clube, que resolverão os casos omissos neste regulamento.

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO :

Obedecerá ao horário estipulado pela Diretoria, de abertura e fechamento do Clube, mantendo entretanto, neste posto, sempre um vigilante ou guarda.

Link permanente para este artigo: http://www.yci.com.br/servicos/regulamento-de-portarias/